Buscar
Buscar

Teatro de Ornitorrinco

Por: R$ 185,00

Preço a vista: R$ 185,00

+-
Comprar
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 185,00
Outras formas de pagamento
Teatro de Ornitorrinco

Grupo Livros

AutorGuy Corrêa
ISBN9788570606808
TítuloTeatro de Ornitorrinco
EditoraImprensa Oficial
Ano de Edição2010
IdiomaPortuguês
Número de Páginas524
País de OrigemBrasil
AcabamentoEncadernado
Altura28
Largura28
Profundidade4,8
Peso3700
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseA atriz e organizadora Christiane Tricerri diz que o intuito da obra é organizar toda a história teatral do grupo, e dar unidade e coerência àquilo que per si já nasceu sem essas características: "pois, como disse Woody Allen, o ornitorrinco é a prova de que Deus tem senso de humor, e no humor a lógica inexiste para dar lugar à imaginação, à transgressão e ao prazer." "O livro é a continuação da festa e da celebração que dão significado a toda a nossa obra", afirma. A arma perfeita O Grupo Ornitorrinco foi criado em abril de 1977 por Luiz Roberto Galízia, Cacá Rosset e Maria Alice Vergueiro e ganhou destaque pelas encenações provocantes, lúdicas e inovadoras, cheias de deboche e efeitos pirotécnicos. "Surgidos durante um regime nada favorável à livre expressão, donos de espontaneidade irreprimível e irreverência combinada com inteligência, seus integrantes souberam fazer uso do sarcasmo com maestria. Talvez por isso mesmo tenham provocado imediata identificação num público que via naquele palco eco e reflexo de um sentimento coletivo e, naquele contexto, a ironia parecia ser a arma perfeita", escreve o diretor-presidente Hubert Alquéres na apresentação do volume. Ornitorrinco: bicho esquisito Organizado cronologicamente ao sabor das montagens da trupe, muitas delas memoráveis, o livro tem um vasto material iconográfico que reúne fotos de cena, croquis de cenários e figurinos, reproduções de programas de espetáculo, cartazes e críticas das peças publicadas pela imprensa. O livro ainda recupera a memória de figuras importantes do grupo falecidas precocemente, como o ator e diretor Luiz Roberto Galízia (1952-1985) e o ator Chiquinho Brandão (1952-1991).
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio