0
0
Uma Tocha na Escuridão
Autor:
Editora:
Cód:
9788576865797

Uma Tocha na Escuridão

Autor:
Editora:
Cód:
9788576865797

Disponibilidade

Não é possível calcular o valor do Frete para o CEP informadoPrazo de entrega válido para pedidos feitos até as 22h00 com cartão de crédito e aprovado na primeira tentativa.

Por: R$ 49,90

Preço a vista: R$ 49,90

Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 49,90
Outras formas de pagamento
Opções de pagamento >
Comprar
Sinopse
Ficha Técnica

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Sinopse

Descrição do Produto

Uma Tocha na Escuridão

Grupo Livros

AutorSabaa Tahir
ISBN9788576865797
TítuloUma Tocha na Escuridão
EditoraVerus
Ano de Edição2017
IdiomaPortuguês
Número de Páginas434
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura23
Largura16
Profundidade2,3
Peso560
FormatoFísico
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseComo eles nos encontraram tão rápido? Atrás de mim, as catacumbas ecoam com gritos coléricos e guinchos de metal. Meus olhos dardejam para os crânios com largos sorrisos, alinhados nas paredes. Acho que ouço a voz dos mortos. Seja veloz, seja ligeira, eles parecem sibilar. A não ser que queira se juntar à nossa tropa. — Mais rápido, Laia — diz o meu guia. Sua armadura brilha enquanto ele se apressa à minha frente, através das catacumbas. — Nós os despis- taremos se formos rápidos. Conheço uma passagem que leva para fora da cidade. Uma vez lá, estaremos seguros. Ouvimos um rangido atrás de nós, e os olhos claros do meu guia miram rapidamente um ponto sobre meu ombro. Sua mão é uma mancha castanho-dourada enquanto voa para o punho da cimitarra pendurada em suas costas. Um movimento simples, repleto de ameaça. Um lembrete de que ele não é apenas meu guia. É Elias Veturius, herdeiro de uma das famílias mais tradicionais do Império. É um ex-Máscara — um soldado de elite do Império Marcial. E meu aliado — a única pessoa que pode me ajudar a salvar meu irmão, Darin, de uma famigerada prisão marcial. Em um passo, Elias está ao meu lado. Em outro, está à minha frente, movendo-se com uma graça pouco natural para alguém tão grande. Juntos, espiamos o túnel pelo qual acabamos de passar. Meu coração lateja em meus ouvidos. Qualquer entusiasmo que eu senti ao destruir a Academia Black-cliff ou resgatar Elias da execução desaparece. O Império nos caça. Se ele nos pegar, morreremos. O suor embebe minha camisa. Apesar do calor repulsivo dos túneis, um calafrio percorre minha pele, e os pelos de minha nuca se arrepiam. Acho que ouço um rosnado, como o de alguma criatura faminta, matreira. Corra, meus instintos gritam comigo. Saia daqui. — Elias — sussurro, mas ele roça um dedo em meus lábios — shh — e desembainha uma faca dentre as seis guardadas de encontro a seu peito. Tiro um punhal do cinto e tento ouvir além do estalido das tarântulas do túnel e da minha própria respiração. A sensação incômoda de estar sendo observada desaparece, substituída por algo pior: o cheiro de resina de pinheiro e fogo, a elevação e a queda de vozes se aproximando. Soldados do Império. Elias toca meu ombro e aponta para seus pés, então para os meus. Pise onde eu piso. Tão cuidadosamente que temo respirar, eu o imito enquanto ele se vira e se dirige rapidamente para longe das vozes. Chegamos a uma bifurcação no túnel e pegamos à direita. Elias anui para um buraco profundo na parede. Tem a altura dos meus ombros e, exceto por um caixão de pedra virado de lado, está vazio. — Entre — ele sussurra —, até o fundo. Deslizo para dentro da cripta, reprimindo um arrepio com o crrk alto de uma tarântula. Levo uma cimitarra forjada por Darin atravessada nas costas, e seu punho tilinta alto contra a pedra. Pare de se remexer, Laia — não importa o que esteja rastejando por aqui. Elias se enfia na cripta atrás de mim, sua altura forçando-o a quase se agachar. No espaço apertado, nossos braços se roçam, e ele inspira brusca- mente. Mas, quando ergo o olhar para ele, seu rosto está virado para o túnel. Mesmo na luz obscura, o cinza de seus olhos e as linhas marcantes de seu queixo são impressionantes. Sinto um choque no fundo do estômago — não estou acostumada com seu rosto. Apenas uma hora atrás, enquanto escapávamos da destruição que provoquei em Blackcliff, seus traços estavam escondidos por uma máscara prateada. Ele inclina a cabeça, ouvindo, enquanto os soldados se aproximam. Eles caminham rapidamente, suas vozes ecoando nas paredes das catacumbas como pios entrecortados de aves de rapina. ... provavelmente foram na direção sul. Se ele tiver meio cérebro, de qualquer forma. — Se ele tivesse meio cérebro — diz um segundo soldado —, ele teria passado pela Quarta Eliminatória, e não estaríamos ferrados com um vagabundo Plebeu como imperador. Os soldados entram em nosso túnel, e um enfia a lamparina na cripta à nossa frente. — Malditos infernos. Ele recua rapidamente diante da v
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, também comprou