Siga a Vila

Buscar
Buscar

Lendas da África

Por: R$ 69,90

Preço a vista: R$ 69,90

+-
Comprar
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 69,90
Outras formas de pagamento
Lendas da África

Grupo Livros

AutorBraz Emílio
ISBN9786558382140
TítuloLendas da África
EditoraBertrand Brasil
Ano de Edição2023
IdiomaPortuguês
Número de Páginas56
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura27,5
Largura20,5
Profundidade0,6
Peso300
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
SinopseEntre cores, sons e paisagens do território africano, Lendas da África, de Júlio Emílio Braz, e ilustrado por Douglas Lopes e Vitória Gomes, celebra toda a riqueza da cultura africana por meio de narrativas ancestrais, que se revelam atuais e carregadas de significado. Onde o sol pinta o céu de tons brilhantes e a savana estende-se até onde os olhos alcançam, há histórias incríveis que são contadas de geração em geração. O continente africano é o berço de lendas que carregam mistérios e encantamentos. Como rios que fluem com sabedoria ancestral, sua cultura milenar foi uma das principais bases da sociedade brasileira e continua presente no sangue de cada um de nós. Já dizia o provérbio africano: “Uma boa árvore é aquela que se lembra da semente que a gerou.” Lendas da África, agora em nova edição, com ilustrações de Douglas Lopes e Vitória Gomes, nos transporta para um mundo de cores vibrantes numa época mágica em que os animais se confrontavam tanto por meio de brigas quanto de discussões inteligentes e divertidas. “Surpreso e assustado, o Leopardo se esqueceu por uns instantes da tremenda fome que sentia e procurou escapar. Não conseguiu. Andando de um lado para o outro, inconformado e, por fim, irritado, rugia para todos os lados, dando violentas patadas dentro daquele terrível buraco que o aprisionara. Sentiu-se humilhado. Tamanho descuido partindo de um caçador tão temido quanto experiente não poderia prrovocar outros sentimentos que não frustração e raiva. Com estes, como é de se imaginar, vieram aquelas sensações incômodas e incontroláveis de humilhação e vergonha, com a raiva crescendo e transformando-se em rugidos cada vez mais assustadores. Rugia tão furiosamente, que nem se dera conta de como aquela sua atitude era perigosa.”
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio