0
0
Da Alma - de Anima
Autor:
Editora:
Cód:
9788572837613

Da Alma - de Anima

Autor:
Editora:
Cód:
9788572837613

Disponibilidade

Produto IndisponívelPrazo de entrega válido para pedidos feitos até as 22h00 com cartão de crédito e aprovado na primeira tentativa.
Sinopse
Ficha Técnica

Sinopse

Descrição do Produto

Da Alma - de Anima

Grupo Livros

AutorAristóteles
ISBN9788572837613
TítuloDa Alma - de Anima
EditoraEdipro
Ano de Edição2011
IdiomaPortuguês
Número de Páginas144
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura21
Largura14
Profundidade1
Peso215
FormatoFísico
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseYuch (psykhe) – Alma – é, para Aristóteles, o princípio vital de todo ser vivo, animal ou planta, ou, em outros termos, o princípio que anima os corpos dos seres vivos. Portanto, a análise contida neste tratado não é de fundo religioso, mas de fundo físico, metafísico e biológico. Aristóteles apenas tangencia ligeiramente a questão da separação e sobrevivência da alma fora do corpo, não entrando, em absoluto, no mérito dessa questão. Embora o termo "psicologia" tenha sido cunhado somente no século XVI, assim aconteceu em função dos conteúdos de Da alma e dos oito pequenos tratados que lhe dão sequência (conhecidos pelo título geral latino Parva Naturalia). Aristóteles é, portanto, a despeito dos desenvolvimentos, transformações e ampliações da psicologia moderna e contemporânea, o fundador da psicologia, como foi de tantas outras ciências. Com o objetivo de analisar os principais problemas relacionados à alma, Aristóteles discute a imaginação e o pensamento, além das relações entre sensação e intelecto, apresentando suas teorias do intelecto ativo e do intelecto passivo. Esta obra não interessa apenas aos psicólogos e psicanalistas, mas também a físicos, zoólogos, botânicos, metafísicos e a todos que, de um modo ou de outro, estudam o fenômeno da vida ou sobre ele ponderam. Obra traduzida diretamente do grego pelo mestre helenista Edson Bini, traz texto integral e numeração da edição referencial de I. Bekker de 1831, que se mostra útil e indispensável para facilitar as consultas.
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, também comprou