Buscar
Buscar

entrega-expressa

Como Ser Triste: Tudo o Que Aprendi sobre a Felicidade com a Tristeza

Por: R$ 44,00

Preço a vista: R$ 44,00

+-
Comprar
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 44,00
Outras formas de pagamento
Como Ser Triste: Tudo o Que Aprendi sobre a Felicidade com a Tristeza

Grupo Livros

AutorHelen Ru
ISBN9786556431710
TítuloComo Ser Triste: Tudo o Que Aprendi sobre a Felicidade com a Tristeza
EditoraLeya
Ano de Edição2022
IdiomaPortuguês
Número de Páginas400
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura22,5
Largura15,5
Profundidade2,2
Peso560
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseHelen Russell, uma especialista em busca da felicidade, combina sua poderosa história pessoal com o resultado de surpreendentes pesquisas e conselhos de especialistas, que nos revelam qual é o segredo para encontrar a alegria: permitir que a tristeza enriqueça sua vida e seus relacionamentos. Fato: ninguém é feliz o tempo todo. A tristeza, numa hora ou noutra, vai dar as caras. Fomos feitos para viver as duas coisas – é assim que funciona. Mas hoje em dia nos tornamos tão obcecados na busca pela felicidade que acabamos tendo fobia de tristeza. Precisamos reaprender a senti-la, a aceitá-la, a processá-la: quando descobrirmos a melhor forma de ficar tristes, poderemos, enfim, ser mais felizes. Como ser triste é também um livro sobre a felicidade. Aprender a viver é aprender a morrer”, escreveu Michel de Montaigne no século XVI. E, no que se refere à felicidade, a escritora e jornalista Helen Russell nos mostra que o princípio é exatamente o mesmo: aprender a ser feliz é aprender a ser triste. Em seu best-seller O segredo da Dinamarca, Helen investigou como vivem as pessoas mais felizes do mundo. Durante quase uma década, ela se dedicou a pesquisar a felicidade – e, nesse processo, também descobriu muita, muita coisa sobre a tristeza. Afinal, tristeza e felicidade não vivem uma sem a outra. A tristeza é parte intrínseca e essencial dessa experiência humana que chamamos de “vida”, uma resposta natural às dores emocionais do dia a dia. Na maior parte do tempo, entretanto, não sabemos lidar com ela. Num mundo onde somos bombardeados pela positividade tóxica das mídias sociais e de coaches de todos os tipos, acabamos condicionados a sentir aversão às emoções negativas. Assim, ao evitarmos a tristeza a qualquer custo, limitamos nossa existência, as nossas experiências de vida e corremos o risco de transformar esse sentimento normal em algo muito mais sério. Lutar contra a tristeza tem, na verdade, o poder de potencializá-la. Eis o paradoxo: permitir se sentir triste é um excelente caminho para uma vida mais plena, equilibrada e, por que não, feliz. Quando nos permitimos um certo tempo de tristeza nos tornamos mais perseverantes, generosos e gratos, além de muito mais receptivos às pequenas belezas cotidianas. E Helen Russell deixa tudo isso muito bem fundamentado ao longo de um texto tão empático quanto pessoal. Ela consultou especialistas em diversas áreas (psicologia, neurofarmacologia, aconselhamento de luto, genética, psicoterapia, neurociência, medicina clíni
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, também comprou