0
0
Basta de Cidadania Obscena!
Autor:
Editora:
Cód:
9788595550025

30%

Basta de Cidadania Obscena!

Autor:
Editora:
Cód:
9788595550025
papirus debates

Disponibilidade

Não é possível calcular o valor do Frete para o CEP informadoPrazo de entrega válido para pedidos feitos até as 22h00 com cartão de crédito e aprovado na primeira tentativa.

De: R$ 34,90Por: R$ 24,43

Preço a vista: R$ 24,43

Economia de R$ 10,47

Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 24,43
Outras formas de pagamento
Opções de pagamento >
Comprar
Sinopse
Ficha Técnica

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Sinopse

Descrição do Produto

Basta de Cidadania Obscena!

Grupo Livros

AutorMario Sergio Cortella, Marcelo Tás
ISBN9788595550025
TítuloBasta de Cidadania Obscena!
EditoraPapirus 7 Mares
Ano de Edição2017
IdiomaPortuguês
Número de Páginas112
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura21
Largura14
Profundidade0,8
Peso155
FormatoFísico
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseSe a cidadania pode ser definida como o conjunto de direitos e deveres individuais, garantido por instituições justas, visando ao bem coletivo, a prática, no entanto, tem mostrado que nem sempre é assim – ou, pelo menos, não para todo mundo. Nesse livro, o filósofo Mario Sergio Cortella e o comunicador Marcelo Tas conversam sobre o tema de um ponto de vista pouco convencional. Eles expõem o avesso da cidadania, aquela que não é ética, decente, e sim vexatória – obscena. Hoje, observa-se muitas vezes que a cidadania se caracteriza mais como inclusão precária, vide os inúmeros problemas que enfrentamos no Brasil com saúde e educação, por exemplo. Diante disso, os autores apontam possíveis mecanismos de enfrentamento a esse cenário fraturado. Entre as questões que trazem para discussão, eles avaliam o papel social dos formadores de opinião na promoção da cidadania e na consequente recusa ao obsceno, especialmente em nossa era digital. E questionam: com as redes sociais, será que de fato participamos mais ativamente como cidadãos? Entre a intenção e a adesão às causas boas, como se insere a prática concreta?
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, também comprou