Buscar
Buscar

20%

entrega-expressa

À Sombra da Lua: o Mistério de Vila Socorro

De: R$ 34,50Por: R$ 27,60

Preço a vista: R$ 27,60

Economia de R$ 6,90

+-
Comprar
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 27,60
Outras formas de pagamento
À Sombra da Lua: o Mistério de Vila Socorro

Grupo Livros

AutorMarcos Debrito
Faixas de desconto0 - 20%
ISBN9788532528162
TítuloÀ Sombra da Lua: o Mistério de Vila Socorro
EditoraRocco
Ano de Edição2013
IdiomaPortuguês
Número de Páginas288
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura22
Largura15,5
Profundidade1,7
Peso385
FormatoFísico
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
Volumevazio
SinopseO mito do lobisomem é universal. De núcleos tribais a grandes civilizações, todos já esbarraram no estranho caso do homem que vira fera. O progresso e a tecnologia relegam esses saberes ao campo do folclore e do obscuro, mas a lua não permite à alma humana esquecer o poder oculto que se esconde e se revela em ciclos. É na fronteira entre o civil e o selvagem, Deus e o desejo, o barro e o vil metal, o espírito e a carne, a fome e o sacrifício, que vaga o lobisomem. A criatura maldita está ilustrada nos contos infantis; nas grandes capitais ou nas vilas rupestres, suas híbridas pegadas prenunciam a sombra de algo que não deveria existir. Mas existe. À sombra da lua aponta uma chama trêmula, porém esclarecedora, sobre a encarnação do homem-lobo em terra brasilis, considerando – e até elucidando – os aspectos e os desdobramentos mais curiosos de sua estranha condição. Racionalidade e mistério se confrontam numa narrativa madura, e o resultado é uma luta de facas entre sina e paixão. A abordagem de Marcos DeBrito confere ao texto um fôlego brutal. Perspectivas mudam à maneira das fases lunares e, ao fim, o que vemos raiar do nevoeiro é um monstruoso clássico do gênero. A literatura brasileira de horror não possuía um relato tão tétrico e macabro sobre um personagem tão comum – o que prova sua capacidade de disfarçar-se e esconder-se, a despeito do quanto esteja presente, ou até que a lua o revele. Aqui está, então, nas letras lunares de Marcos DeBrito, o causo À sombra da lua, conforme me foi outrora contado. (por Tiago Abreu, pesquisador licantropista, poeta e professor)
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, comprou também