Buscar
Buscar

entrega-expressa

A Palavra Como Território: Antologia Dramatúrgica do Teatro Hip-Hop

Por: R$ 89,90

Preço a vista: R$ 89,90

+-
Comprar
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 89,90
Outras formas de pagamento
A Palavra Como Território: Antologia Dramatúrgica do Teatro Hip-Hop

Grupo Livros

AutorAlexandre Mate, Núcleo Bartolomeu de Depoimentos
ISBN9786555050967
TítuloA Palavra Como Território: Antologia Dramatúrgica do Teatro Hip-Hop
EditoraPerspectiva
Ano de Edição2022
IdiomaPortuguês
Número de Páginas544
País de OrigemBrasil
AcabamentoBrochura
Altura23
Largura16
Profundidade3
Peso790
OrigemBrasil
Serie/Coleçãovazio
SinopseSINOPSE O teatro hip-hop traduz caleidoscopicamente o movimento e a cultura hip-hop: oralidade, resistência, invenção, mistura, política, música, dança, dramaturgia, improvisação, performance. O palco torna-se uma arena para o desenvolvimento de uma ação dramática completamente envolvida e definida pelas questões contemporâneas, do cotidiano ou dos grandes temas. Este livro celebra vinte anos de percurso do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos e seu Teatro Hip-Hop, tornando impressas palavras, gestos, lutas e emoções que atravessaram as duas últimas décadas no país. Preparando o solo para os próximos vinte anos de luta e muito briho! QUARTA-CAPA A Palavra Como Território registra vinte anos do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos, desde seu aparecimento em 2000. As quatorze peças encenadas pelo grupo desde então são aqui apresentadas na íntegra e cronologicamente, com imagens originais e os textos dos roteiros da época da encenação, além de ensaios analíticos especialmente escritos para esta edição. Apesar de sua enorme presença cênica, é também da palavra que parte esse trabalho de pesquisa centrado na junção, e no atrito, de conceitos do teatro épico brechtiano e da cultura urbana hip-hop, o que leva o coletivo artístico a criar uma linguagem teatral inovadora e dinâmica. Suas apresentações giram, por exemplo, em torno do depoimento, da autorrepresentação, da atuação de DJs e de atrizes/atores MCs, que fazem uso do sample, do spoken word (poesia falada) e dos slams (competições de poesia falada) para criar universos e discutir fatos e eventos que nos afetam como sociedade e indivíduos nela. Daí que os textos aqui fixados não poderiam ser mera “imagem congelada” do que foi, mas uma reflexão sobre o que está sendo, parte de uma jornada que está longe de terminar e que expande seu território para além do palco e também destas páginas. DA CAPA Imagem da capa: uma colagem de cenas do grupo em múltiplas ocasiões. Diversidade, visualidade rica e impactante, inventividade são apenas algumas das qualidades que cercam as apresentações do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos em seus espetáculos.
Edição1
LivroDigitalvazio
PrevendaVazio

Quem viu, também comprou